O dia seguinte não precisa ser um drama para quem tem cabelo crespo ou cacheado

Por muito tempo, todos os dias de manhã eu molhava integralmente meu cabelo. O objetivo era ativar os cachos, mas, sobretudo, reduzir o aspecto bagunçado depois de uma noite de sono e eliminar o volume. Eu simplesmente não suportava volume.

Já faz mais de dez anos que não aliso meu cabelo e nesse período descobri que um frizz aqui, um volumão ali não mantam ninguém e que molhar a cabeça todo dia não faz bem para mim.

Então para facilitar a arrumação no day after (dia seguinte), procuro dormir com o cabelo preso na noite anterior. Uso um elástico bem folgado ou um cós de meia calça (meia fina/ meia de seda), que não quebra o cabelo. Às vezes também durmo sob uma fronha de cetim. Com ela o atrito é menor a cada vez que rodo na cama, então embaraça menos o cabelo.

Quando vou tomar banho, uso uma touca de plástico para proteger o cabelo. Isso evita o frizz causado pelo vapor e pelo choque de temperatura.

Geralmente costumo arrumar o cabelo com os dedos ou com a ajuda de um pente garfo para tirar o amassado. Mas, às vezes, isso não basta, então parto para uma solução mágica: o meu spray caseiro com água, gel e óleo vegetal. Dou algumas borrifadas e vou amassando o cabelo com as mãos para ativar os cachos.

Naqueles dias em que nada dá certo e que o cabelo resolve ter vida própria, pego dois grampos e faço um mini moicano ou coloco um lenço ou turbante.

 

Com informações de: https://www.cosmeticosnina.com.br/blogs/diariodanina/7-dicas-para-salvar-o-day-after-de-uma-crespa-ou-cacheada

 

Rachel Quintiliano

Jornalista, pós-graduada em comunicação e saúde, consultora na área de comunicação, planejamento e sistematização com foco em saúde, gênero e raça e empreendedora do ramo de cosméticos.

 

Comentários

Comentários