JAY-Z acabou de lançar o aguardado álbum “4:44″ e nós estamos pirando com algumas faixas sinceronas! Inspirada na esposa, a rainha Beyoncé, a canção que dá título ao projeto fala sobre o relacionamento de quase 15 anos do casal. As letras introspectivas revelam novos detalhes sobre o romance, incluindo a tal “Becky do cabelo bom”  e a primeira menção aos gêmeos recém-nascidos.

Em entrevista à iHeartRadio, ele explicou por que a faixa é tão importante para o álbum. “Acordei, literalmente, às 4:44 da manhã para escrever esta música“. É a faixa do título porque é uma música muito poderosa e acredito que é uma das melhores canções que já escrevi” explica Jay. Ou seja, o nome do disco é uma carta aberta de amor e desculpas à Queen B!

Jay fala na letra de “4:44″sobre como começou seu relacionamento com Bey:

Conversamos durante horas quando você estava em turnê
Por favor, pegue o telefone, pegue o telefone
Disse que não me envergonhe em vez de ser meu
Essa foi a minha proposta para que fiquemos firmes
Esse foi o seu 21º aniversário, você madura mais rápido do que eu
Eu não estava pronto, então peço desculpas
Eu vi a inocência deixar seus olhos

Ele reflete sobre seus erros no segundo verso:

Nunca quis que outra mulher conhecesse
Algo sobre mim que você não sabia
Eu prometi que choraria, não consegui segurar

No final da música, ele detalha sua infidelidade e se pergunta como isso afetará os filhos:

E se meus filhos soubessem, eu nem sei o que eu faria
Se eles não me olharem mais do mesmo jeito
Eu morreria com toda a vergonha
“Você fez o que com quem?”
O que é um ménage à trois quando você tem uma alma gêmea?
“Você arriscou e não pensou na Blue?”

Tôo chocaaado! A música seguinte a “4:44″ é “Family Feud” – com participação de Bey nos vocais –  e traz mais tiros! A letra é um recado direto para a miseriosa Becky.

Sim, eu ferraria com tudo se você me deixasse.
Deixe-me em paz, Becky
Um homem que não se importa com sua família não pode ser rico.

É a única menção explícita a Becky, mas ele fala do casamento e da família o tempo todo. Jay cita na música, recentes apresentações de Beyoncé e o quanto ele a admira como mãe. Por falar em mãe, o Carter pela primeira vez confirma boatos de que sua mãe é lésbica:

“Mama teve quatro filhos, mas é lésbica / Teve que fingir tanto tempo”, escreveu Jay-Z, que ainda falou de como a ausência de seu pai contribuiu para a sua difícil juventude no Brooklyn. “Não importa para mim se é ele ou ela / eu só quero ver você sorrir através de todo o ódio”, desabafou na letra.

Além dessas duas bombásticas faixas, também sobrou para Kanye West em “Kill Jay Z”, a primeira da tracklist. Na composição, Jay responde às polêmicas declarações dadas pelo marido de Kim Kardashian durante apresentações da “Saint Pablo Tour”. Na época, pouco antes de ser internado por exaustão, West disparou contra o até então amigo, dizendo que Jay não teria nem telefonado pra eles após o assalto sofrido por Kim em Paris. Kanye também acusou o rapper de ter assassinos particulares e Beyoncé de exigir da MTV, o prêmio de “Vídeo do Ano” no “VMA 2016″ para que ela fizesse uma performance no evento.

“Mas essa atitude ‘foda-se todos’ não é natural. Você não é mais o mesmo. Você lhe deu 20 milhões sem piscar. Ele te deu 20 minutos no palco, porra, ele estava pensando?”, disparou Jay na composição, em referência clara ao show de Kanye em Sacramento, Califórnia, onde o rapper fez as acusações contra ele e Queen B.

Os tais 20 milhões seriam a grana que o Tidal de Jay investiu no projeto de Kanye, enquanto os 20 minutos dizem respeito à duração desse show do rapper, que terminou em  revolta por parte do público.

Fonte: Hugo Gloss

Comentários

Comentários