Obra de Rosiane Rodrigues faz um estudo sobre as relações étnico-raciais no Brasil

 

TEXTO: Redação | FOTO: Divulgação | Adaptação web: David Pereira

"Nós" do Brasil, de Rosiane Rodrigues | FOTO: Divulgação

"Nós" do Brasil, de Rosiane Rodrigues | FOTO: Divulgação

Em um mesmo trabalho, conteúdos paradidáticos sobre judeus, indígenas, muçulmanos, africanos, ciganos, japoneses e europeus. Esta é a proposta do livro “Nós” do Brasil, no qual a jornalista Rosiane Rodrigues busca familiarizar adolescentes a assuntos como a escravidão, intolerância religiosa e discriminação cultural, entre outros. O livro é um incentivo para o cumprimento da legislação que obriga o ensino da História da África e cultura afro-brasileira e indígena nas escolas do país. Com uma linguagem clara e objetiva, a autora instiga discussões de pesquisadores e cientistas sobre temas como racismo, intolerância religiosa, escravidão, memória, dominação e colonização.
Quer ver esta e outras matérias da revista? Compre esta edição número 179.

Comentários

Comentários