Revista Raça

Capa

Touré acusa Guardiola de racismo: ‘Não sou o primeiro a falar sobre isso’

  • Autor: hamalli

  • Publicado em: 07/06/2018

  • Comentários:

De saída do Manchester City, o volante Yaya Touré disparou sérias críticas ao técnico Pep Guardiola. Em prévia de uma entrevista à revista France Football, divulgada nesta segunda-feira, o jogador marfinense alegou que o treinador o trata como um rival e que não gosta de jogadores africanos, desde a época em que comandava o Barcelona.

“Ele era cruel comigo. Acha que o Barcelona tratava o Iniesta da mesma maneira? Comecei a me perguntar se era por causa da minha cor. Outros jogadores do Barça também questionavam. Pep já teve problemas com africanos em todos os lugares por onde passou. Ele finge não ter problemas com jogadores de cor, é inteligente demais para ser pego.

”Após relembrar os problemas com o treinador, Touré comentou sobre como foi ‘deixado de lado’ apesar de ser ídolo do Manchester City. “Pep gosta de ter jogadores obedientes que lambam suas mãos. Não sou a favor desse tipo de relação, respeito meu técnico, mas não sou assim”, disse o volante de 35 anos. “Quando percebi que meus testes físicos e estatísticas eram tão bons ou melhores nos treinos e nos jogos do que as de jogadores mais novos, entendi que não era questão física”.

Yaya Touré chegou ao City em 2010 e se tornou um dos ídolos do clube inglês, mas foi pouco utilizado desde que Guardiola assumiu o comando, em 2016.

Comentários

Comentários