Bolsonaro chama deputado Hélio Negão de “meu escravo”

hamallimaio 29, 20202 min
https://revistaraca.com.br/wp-content/uploads/2020/05/7C6AC8F2-FCD6-4DC4-9FD8-23F35ACAA942.jpeg

Mais uma do presidente da republica. Se não bastasse seu assessor mais direto presidente da Fundação Cultural Palmares colocar em cheque todos os dias toda a luta pela igualdade racial no Brasil, na noite desta quinta-feira o presidente numa suposta ” brincadeira” chamou o deputado carioca Helio Negão de “meu escravo”.

Bolsonaro reclamava sobre notícias veiculadas na imprensa, que, segundo ele, são “exatamente o contrário” do que o noticiado.
“Tudo [de] que me acusam é exatamente o contrário: ditador que não respeita mulher, que não respeita negro, que não respeita nordestino…”, disse.

Neste momento, o presidente chama o deputado, que estava fora de cena, para participar da transmissão. “Aqui o Hélio… Teve um tempo que falaram que ele era meu escravo. Meu escravo ganhando R$ 33 mil por mês? Quer continuar sendo meu escravo, Hélio? (Risos) Pelo amor de deus…”, declarou.

Comentários

Comentários

hamalli

https://revistaraca.com.br/wp-content/uploads/2017/08/logo-scaled.jpg

Há 24 anos no mercado, a pioneira e mais antiga publicação negra do Brasil.

Comentários

Comentários