Revista Raça

Especiais

Como preparar prato típico de Senegal

  • Autor: Redator

  • Publicado em: 17/10/2016

  • Comentários:

Veja a receita do prato Mafé, típico de Senegal

 

TEXTO e FOTO: Renato Bazan | Adaptação web: David Pereira

Mafé, prato típico do país africano Senegal | FOTO: Renato Bazan
Mafé, prato típico do país africano Senegal | FOTO: Renato Bazan

O Mafé é um prato do Senegal, e seu nome se refere ao molho. Por ter preparação simples e um sabor mais próximo ao que consumimos no Brasil, é um bom prato de introdução à culinária do continente africano. Os vegetais, assim como a carne, são feitos em separado, e aqui optamos pela galinha caipira, consumida muito regularmente nas terras senegalesas. É interessante notar que, para este prato, o acompanhamento deve ser feito antes do molho, pois seu caldo é parte da receita do Mafé. Para apresentação correta do prato, a junção do molho com os componentes é feita no final.

INGREDIENTES

300g de amendoim moído

1 cebola grande

2 dentes de alho

100ml de óleo de soja

2 colheres de sopa de extrato de tomate

1 galinha caipira

MODO DE PREPARO

Desosse e tempere a galinha caipira com alho moído e temperos a gosto. Em uma panela, frite-a com pequena quantidade de óleo por 5 minutos e acrescente água até submergi-la. Cozinhe-a por vinte minutos. Deixe-a de lado mas não jogue seu caldo fora, pois será utilizado no molho. Em outra panela com óleo, junte a cebola, o pimentão e o alho picados. Frite-os por 10 minutos. Em seguida, acrescente o extrato de tomate e mexa por mais 5 minutos ininterruptamente, para que nada seja queimado. Acrescente então o amendoim moído e, por mais 7 minutos, mexa ininterruptamente. Junte 500ml de água à panela e, recuperando a galinha caipira, despeje o caldo resultante na panela com os vegetais, deixando a galinha ainda de lado. Depois de o molho atingir o fervor, deixe-o em fogo baixo por 20 minutos. Nos pratos, coloque primeiro os alimentos e despeje o molho por cima.

*Serve duas pessoas.

Quer ver esta e outras matérias da revista? Compre esta edição número 187.

Comentários

Comentários