Na 45º Edição do New Orleans Jazz & Heritage Festival a cultura brasileira é homenageada

 

Texto:  Redação | Foto:  Divulgação | Adaptação web Sara Loup
Cultura brasileira no exterior | Divulgação

Cultura brasileira no exterior | Divulgação

Aconteceu nos Estados Unidos a 45º Edição do New Orleans Jazz & Heritage Festival, que este ano homenageou a diversidade cultural do Brasil. Sob a temática “Favela Jazz”, o coletivo de grafiteiros exibiu obras inspiradas no cotidiano periférico e fez intervenções artísticas ao vivo.Formado por artistas de São Mateus, zona leste de São Paulo, o grupo que apresenta seus grafites aqui na Raça Brasil usou a técnica do live painting, produzindo um painel de 40 metros, próximo à Casa Brasil, tenda criada especialmente paraa brigar demonstrações características da música, artesanato e culinária de rua do nosso país.
A exposição foi construída simultaneamente ao longo dos sete dias de evento e teve como base o jazz e os projetos que o Grupo OPNI desenvolve nas periferias do Brasil afora. Tal vivência os levou á percepção de que a raiz africana é o elo que influencia tanto Nova Orleans e sua música, quanto o trabalho desenvolvido pelo coletivo em seus 17 anos de existência.Criado na década de 1970, é considerado o maior evento de música da América e atrai cerca de 500 mil pessoas durante os sete dias de realização.Anualmente,12 palcos se dividem em estilos diversos, como jazz, gospel, cajun, zydeco, blues,R&B, rock, funk, african, latin, caribbean and folk. Nesta edição, o line-up contoucom nomes do porte de Bruce Springsteen, Robert Plant, Public Enemy, Santana,Vampire Weekend, Arcade Fire, Alabama Shakes, Christina Aguilera e Foster ThePeople, só para citar algumas das mais de 400 atrações.

Em 2014, o New Orleans Jazz & Heritage Festival prestou homenagem ao Brasil por meio de diversas frentes, como música, exposições artísticas, painéis, workshops,apresentações multimídia, sessões gastronômicas e demonstrações de capoeira.Em termos de som, o ritmo brasileiro (samba, afoxé, forró, congada, entre outros)reinou nos principais palcos do evento. Não é de hoje que a iniciativa reverencia acultura de outros povos.

 

Quer ver esta e outras matérias da revista? Compre esta edição número 190

Comentários

Comentários