Revista Raça

Capa

Filmes Pantera Negra | Rapper diz que filme foi uma “experiência cruel” de Hollywood

  • Autor: hamalli

  • Publicado em: 12/07/2018

  • Comentários:

Em uma entrevista a Variety, o rapper e produtor Sean Diddy Combs comentou que achou Pantera Negra uma “experiência cruel” de ter sido realizada pela Marvel e Hollywood:

“Pantera Negra foi uma experiência cruel porque vivemos em 2018 e foi a primeira vez que a indústria do cinema nos deu um espaço justo em um filme de grande orçamento de nível mundial e as centenas de milhões [de dólares] que são precisos para o fazer”.

Além disso, o astro contou que os artistas negros precisam de maiores espaços e maiores investimentos, já que conseguem gerar um dinheiro grande para as produtoras:

“Não se pode fazer nada sem esse dinheiro, sem os recursos. Mas quando conseguimos esses recursos, ultrapassamos as expectativas. Quando a Adidas investe no Kanye [West] e é feito como deve ser, se consegue os resultados certos. Quando a Live Nation [produtora de shows] investe em artistas e os coloca em arenas da mesma forma que aconteceria com os U2, conseguem-se os resultados certos”, ele completa.

Depois de Homem-Formiga e a Vespa, o futuro da Marvel é feminino?

O sucesso de Pantera Negra tem sido estrondoso a ponto da Marvel divulgar um infográfico com os dados e as notas da crítica em relação o filme – veja aqui.

A Marvel já planeja um Pantera Negra 2 está em negociações com o ator Donald Glover, de Han Solo: Uma História Star Wars, para interpretar o vilão do longa (saiba mais).

O presidente da Marvel, Kevin Feige, já revelou que espera ver o filme indicado ao Oscar 2019.

O herói retornou aos cinemas em Vingadores: Guerra Infinita, que teve uma grande batalha em Wakanda marcando o seu clímax.

Pantera Negra estreou em 15 de fevereiro desse ano.

Comentários

Comentários