Revista Raça

Colunistas Destaque

O que não pode faltar na mala de uma crespa ou cacheada no verão?

  • Autor: Rachel Quintiliano

  • Publicado em: 11/12/2017

  • Comentários:

Com cuidados simples e os produtos certos você não precisará carregar uma frasqueira enorme.

Eu não sou muito fã de praia, mas, às vezes vou. Depois de muito tempo carregando mala cheia de produtos e continuando com o cabelo ressecado resolvi rever o que realmente preciso.

O meu cabelo é crespo tipo 4 e bastante ressecado, especialmente nas pontas, porque faço tintura com frequência. Mesmo sendo adepta do método Curly Girl sofro com o ressecamento. Então, quando vou viajar sempre levo um produto para proteger meu cabelo do sol e outro para nutrir os fios.

Antes de entrar nas dicas confesso que só consegui curtir o verão quando aceitei meu cabelo como ele é, inclusive com aquele frizz e volume que às vezes me incomodavam.

Vamos lá...

  1. Quando eu saio do mar ou da piscina enxaguo o meu cabelo com bastante água doce para tirar o excesso de sal e de cloro. Quando sinto que todo o sal ou cloro saíram, passo apenas um condicionador e depois o finalizador. Só lavo com shampoo quando realmente sinto que o cabelo está muito sujo. Na maioria das vezes, mesmo nesses casos que sinto o cabelo bem sujo, uso co-wash (condicionador limpante ou shampoo sem sulfato)
  2. Para onde vou, carrego meus olhos essenciais. São fracos bem pequenos e com óleos que servem para muita coisa, inclusive para cuidar do cabelo e da pele. Quando viajo sempre tenho um borrifador de óleo de lavanda. A receita é simples: basta misturar 5 gotas de óleo essencial de lavanda em dois litros de água (limpa, fervida e fria). Borrifo sempre que acho necessário. A lavanda tem poder antisséptico e ajuda no tratamento de cabelos opacos. Uso logo após sair do mar, mas, quando ainda quero ficar na praia e não tenho como lavar o cabelo.
  3. Sempre levo um bom creme de nutrição ou óleo de coco extravirgem, que uso na pele depois do banho e também posso usar para nutrir o cabelo. Costumo besuntar as pontas do cabelo com o óleo de coco e deixar por alguns minutos antes de lavar.
  4. Para não carregar dois produtos para ativar os cachos e outro para proteger os fios, dou preferência para leave in bem levinho e com proteção solar e térmica. Amo esses produtos tudo em um, porque eles ativam os cachos e ainda protegem os fios das agressões naturais, com sol e vento.
  5. Mesmo com os produtinhos certos, não dispenso mais alguns itens de proteção: chapéu, lenço ou boné. Todo cuidado é pouco e, além de proteger o cabelo, eles também podem proteger o rosto e parte do corpo.

Parte superior do formulário

Com informações de Niña Cosméticos

Rachel Quintiliano

Jornalista, pós-graduada em comunicação e saúde, consultora na área de comunicação, planejamento e sistematização com foco em saúde, gênero e raça e empreendedora do ramo de cosméticos.

Jornalista, pós-graduada em comunicação e saúde, consultora na área de comunicação, planejamento e sistematização com foco em saúde, gênero e raça e empreendedora do ramo de cosméticos.

Comentários

Comentários