Home Capa Brasileiro diz ter sido alvo de racismo por parte do capitão da...

Brasileiro diz ter sido alvo de racismo por parte do capitão da seleção búlgara

Eli Marques diz ter sido vítima de racismo na segunda divisão da Bulgária (Foto: Reprodução / Twitter)

O zagueiro brasileiro Eli Marques afirmou ter sido vítima de racismo por parte do capitão da Bulgária, Svetoslav Dyakov, durante uma partida da segunda divisão búlgara no sábado. A acusação do jogador do Oborishte foi publicada através de carta aberta à imprensa local, após o empate em 1 a 1 com o Ludogorets II e foi reproduzida nesta segunda pela agência “Reuters”.

– Quero que as pessoas saibam que esse tipo de pessoa é o capitão da seleção nacional búlgara e qual é sua mentalidade – disse.

Eli Marques diz ter sido vítima de racismo na segunda divisão da Bulgária (Foto: Reprodução / Twitter)
Eli Marques diz ter sido vítima de racismo na segunda divisão da Bulgária (Foto: Reprodução / Twitter)

O meio-campista Dyakov vestiu a camisa da seleção búlgara 34 vezes desde 2012 e reforçou a segunda equipe do Ludogorets depois de desfalcar o time principal, que integra a elite, em razão de uma suspensão.

– “Macaco, você está vindo da floresta no Brasil para fingir que é humano…”, foi o que Dyakov me disse – disse Eli Marques, de 35 anos, que defendeu 11 clubes búlgaros e o AEL Limassol, do Chipre, depois que deixou o futebol brasileiro em 2007.

Dyakov e Ludogorets, que conquistaram o sexto título consecutivo no campeonato búlgaro há 10 dias, negaram as acusações. A Federação Búlgara de Futebol e vários clubes locais foram multados pela Uefa por racismo em mais de uma ocasião nos últimos anos.

Fonte: Globo Esporte

Comentários

Comentários

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here