48 empresas firmam compromisso contra o racismo

A iniciativa foi uma das ações mais importantes no início deste ano no combate à desigualdade racial.

Multinacionais como Facebook, Google, LinkedIn e Unilever anunciaram hoje, no Fórum Econômico Mundial, o Partnering for Racial Justice in Business, ou União pela Justiça Racial nos Negócios. Que busca transformar as empresas em ambientes mais equitativos e justos para grupos raciais e étnicos sub-representados, conscientizando lideranças e aumentando o número de funcionários negros.

“À medida que a iniciativa evoluir, ela buscará aumentar a visibilidade de líderes racial e etnicamente diversificados em todos os setores e expandir seu foco para incluir grupos raciais e étnicos adicionais”

Para exemplificar como está a desigualdade no mercado de trabalho hoje apenas 1% das principais empresas mundiais tem um CEO negro.

Comentários

Comentários

About Author /

Start typing and press Enter to search