Home Capa Damares demite Tia Eron da Secretaria de Políticas para Mulheres

Damares demite Tia Eron da Secretaria de Políticas para Mulheres

Ministra estava insatisfeita com desempenho; posto será ocupado pela ex-deputada Rosinha da Adefal (Avante-AL)

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, usou uma rede social para negar ter demitido a ex-deputada federal Tia Eron (PRB-BA) da Secretária Nacional de Políticas para as Mulheres por “improdutividade”.

Segundo o jornal O Estado de S. Paulo publicou na noite deste sábado (4), ao desligá-la do posto, Damares justificou ter se incomodado com a “falta de produtividade” da baiana e também com a quantidade de pessoas “ligadas à esquerda” que ela teria nomeado para a pasta.

Por meio de comentários na página de Tia Eron no Instagram, a ministra defendeu-se.

“Em nenhum momento você viu uma única declaração minha sobre a saída de sua mãe do ministério, especialmente sobre improdutividade. A saída dela é apenas uma reorganização interna. Admiro Tia Eron, tenho carinho por ela. O que era para ser uma transição tranquila, como foi minha conversa com sua mãe, está virando uma confusão desnecessária. Não sabemos quem deu declarações falsas a [sic] imprensa”, escreveu Damares, marcando um perfil atribuído à filha de Eron.

“Sua mãe trabalhou muito na secretaria. A jornada dela avançava as noites e finais de semana. Não se pode alegar improdutividade. Sua mãe é uma guerreira, uma mulher de fibra a quem quero muito bem A saída dela é apenas uma reorganização interna. Mais uma vez a imprensa é usada para causar danos a imagens de pessoas queridas. Fique certa que estamos tentando descobrir o que está acontecendo e da.onde [sic] partiu tal declaração”, acrescentou Damares.

Em um comunicado enviado à imprensa no sábado, Tia Eron, afirmou que, com apenas dois meses de posse, promoveu 18 ações. Ela culpou diretores de outras unidades da pasta como o “núcleo duro da inoperância”.

 

 

Comentários

Comentários