Revista Raça

Especiais

Negra e empreendedora

  • Autor: Redator

  • Publicado em: 16/10/2016

  • Comentários:

Zica Simões, dona de uma rede de salão de beleza é reconhecida como brasileira influente no país pela revista FORBES

 

Texto: Maitê Freitas  | Foto: Divulgação | Adaptação Web Sara Loup

Zica Simões apresentando sua linha de cosméticos para cabelos crespos | Fonte: Divulgação
Zica Simões apresentando sua linha de cosméticos para cabelos crespos | Fonte: Divulgação

Exemplo entre as mulheres empreendedoras negras de sucesso, Zica Simões foi indicada na lista da Forbes como uma das brasileiras mais influentes. “É maravilhoso! Quando a gente começa um novo negócio nunca sabe ao certo onde pode chegar. Estar na Forbes é algo que eu nunca tinha imaginado. De repente, você está no meio daquelas pessoas grandiosas, formadores de opinião em diferentes setores do mercado. O preconceito ainda existe, mas momentos como esse, certamente, trazem esperança para as mulheres e mostram que é possível alcançar seus sonhos”, disse Zica Simões.Contudo, o caso de Zica ainda é uma exceção e inspiração entre as mulheres negras empreendedoras.

As histórias das microempreendedoras têm em seu começo um ponto em comum: as dificuldades de investimentos e a falta de conhecimento. “O início é sempre caótico, por falta de instrução e conhecimento, saímos fazendo tudo e de qualquer jeito, daí quebramos a cara aqui e ali, e vamos ajudando umas as outras, com informações, relatos de experiências ruins, contatos, a coisa vai acontecendo. Mas só percebemos o quanto não sabemos, quando estamos a alguns passos a frente e olhamos pra trás. Aí conseguimos ver o conhecimento adquirido em áreas que não fazem parte da história do negro no Brasil, por exemplo administrar. Somos treinados a ter um patrão, a seguir ordens e obedecer. relata.

Quer ver esta e outras matérias da revista? Compre esta edição número 188

Comentários

Comentários