Saiba mais sobre as origens da música gospel

 

TEXTO: Cláudia Canto | FOTO: Marcus Castro | Adaptação web: David Pereira

O cantor Thalles Roberto é um dos maiores nomes da música gospel brasileira | FOTO: Marcus Castro

O cantor Thalles Roberto é um dos maiores nomes da música gospel brasileira | FOTO: Marcus Castro

As origens da música Gospel: Se pudéssemos pegar uma carona ao passado, talvez fosse possível escutarmos, ao longe, o cântico dos escravos americanos, o famoso Negro Spiritual, que nasceu no século 17 e 18, e que reproduzia suas tristezas, dor e os poucos momentos de alegria. O estilo musical nascia diretamente de suas almas e fazia coro na batida das mãos e no bailar dos corpos, num transe religioso que os tirava, por alguns momentos, do martírio de uma cruel realidade. Além deste fator, mensagens subliminares traziam nas letras informações para escravos presos, orientando-os na busca pela liberdade.

A matriz da palavra Gospel é a contração de “God”, que significa Deus, e “Spell”, cujas variadas interpretações incluem encantamento e fascinação. Um pouco diferente do Negro Spiritual, o estilo gospel é mais emocional e espontâneo,teve mais características dos cultos, baseado em perguntas e respostas. Podemos apontar que a música cristã estourou nos Estados Unidos a partir dos anos de 1970, com grandes intérpretes fazendo coro a este movimento. É o caso de Mahalia Jackson, Bessie Smith e Aretha Franklin, além de Ray Charles e All Green.

Quer ver esta e outras matérias da revista? Compre esta edição número 177.

Comentários

Comentários