Home Capa Atacante brasileiro abandona partida na Bolívia após ser alvo de racismo

Atacante brasileiro abandona partida na Bolívia após ser alvo de racismo

O atacante brasileiro Serginho, do Jorge Wilstermann, da Bolívia, abandonou a partida aos 84 minutos após ser alvo de racismo por parte dos torcedores do Blooming, mandante do jogo realizado no último domingo (17).

Na segunda-feira (18), Evo Morales, presidente da Bolívia, se manifestou contra os atos de racismo e se solidarizou com o jogador brasileiro.

“Nossa solidariedade ao Serginho , jogador #Wilstermann, que deixou o campo ontem, como um protesto, depois de receber insultos racistas de maus torcedores. O futebol é um desporto que une as pessoas, não devemos permitir que seja manchado por estes atos discriminatórios”, escreveu Evo Morales em seu Twitter.

Antes de deixar a partida, Serginho já havia relatado as ofensas para o árbitro, e o uruguaio Latorre, do Blooming, chegou a pedir para os torcedores pararem com os gritos, mas isso não aconteceu. Após arrancar e quase fazer um golaço, o atacante voltou a ser ofendido e deixou o gramado.https://twitter.com/juanpasten2010/status/1107720770883600384?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1107720770883600384&ref_url=https%3A%2F%2Fesporte.ig.com.br%2Ffutebol%2Finternacional%2F2019-03-19%2Fracismo-brasileiro-bolivia.html

 

Fonte: Esporte – iG

 

Comentários

Comentários