Wakanda a gente conhece! Mas e Zamunda?

Redaçãojaneiro 8, 20213 min
https://revistaraca.com.br/wp-content/uploads/2021/01/site1.jpg

Nas décadas de 80′ e 90′ Zamunda mostrou ao mundo uma África gloriosa, rica, num palácio alegre e colorido, bem diferente do continente pobre e triste como era comum no cinema americano, terra natal de Eddie Murphy.
Como príncipe Akeem, o ator volta em “Um Príncipe em Nova York 2” para encontrar um possível herdeiro no Queens.

Nesta prometida sequência quem interpretará o filho perdido em Nova York é o “novato” Jermaine Fowler, ator dono de um potencial e talento notáveis. Palco majestoso para revelação de novas promessas, a primeira parte da franquia em 1988 contou com a estreia do ator premiado Cuba Gooding Jr. nos cinemas.

Quem traz luz ao roteiro é o brilhante Kenya Barris (@Kenyabarris) (Black.ish e #BlackAF), premiado por obras que apresentam com humor a realidade de famílias negras no cotidiano.
Já percebemos que pode se esperar muitas referências aos dias atuais e nada de clichês.

Além de outros integrantes conhecidos como James Earl Jones (Mufasa e Darth Vader) e Arsenio Hall revivendo seus papéis originais, podemos esperar novas promessas do cinema no elenco composto em sua maioria por artistas negros.

Eddie por sua vez, vem de uma indicação ao Oscar por “Meu nome é Dolemite”, filme do diretor Craig Brewer, dirige também “Um Príncipe em Nova York 2” num humor renovado e satírico repleto de críticas sociais.

Um príncipe em Nova York foi o primeiro filme onde o astro de Rasputia e Professor Aloprado interpretou diversos papéis em cena, dotado de maquiagens e efeitos especiais, hoje sua marca registrada.

Com o impacto da Covid-19 o filme não pôde estrear nos cinemas, porém teve seus direitos vendidos para a Amazon pela “singela” quantia de US$125.000.000, e se pudéssemos comparar seria uma das 15 maiores bilheterias de 2020.

Comentários

Comentários

Redação

https://revistaraca.com.br/wp-content/uploads/2017/08/logo-scaled.jpg

Há 24 anos no mercado, a pioneira e mais antiga publicação negra do Brasil.

Comentários

Comentários